Em reuniões com empregados da Ebserh, em Rio Grande, Sindiserf/RS reforça a importância do sindicato e da união da categoria

postado em: Notícias | 0

Diretores do Sindicato dos Servidores Públicos Federais do RS (Sindiserf/RS) passaram a quarta-feira (25) em Rio Grande, no sul do estado, conversando com as empregadas e os empregados da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) que atuam no Hospital Universitário da FURG (HU-FURG). A iniciativa se deu após a entidade ter conhecimento, pela imprensa na última segunda-feira (23), de que um de seus diretores, trabalhador vinculado à Ebserh, estaria envolvido em atos ilícitos no HU.

 

 

Os dirigentes conversaram com os trabalhadores no começo da tarde e da noite para contemplar os dois turnos de trabalho e enfatizaram que ainda na segunda-feira, o diretor em questão, foi afastado temporariamente de suas atividades sindicais, conforme nota emitida pelo Sindiserf/RS. Confira a nota aqui.

Na conversa com os trabalhadores, a secretária geral do Sindiserf/RS, Eleandra Raquel da Silva Koch lembrou a luta pelo Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) e garantiu que nada será diferente. “Vamos nos mobilizar para garantir um Acordo justo que atenda as demandas da categoria. Lamentamos profundamente essa situação, que é uma ação individual e repudiamos esse fato que está em apuração. Por isso, precisávamos vir conversar com vocês”, disse.

 

 

O secretário de Saúde do Trabalhador em exercício da entidade, Jaques Boeno também lamentou a situação, ressaltou a necessidade da investigação, que está sob sigilo, e a agilidade do Sindiserf, que respondeu assim que soube da situação. “Precisamos manter a mobilização e a força da categoria aqui no HU-FURG. O Sindicato não é feito por uma ou duas pessoas, o Sindicato é feito por todos os trabalhadores,” pontuou o dirigente que é empregado da Ebserh no Hospital Escola da UFPEL.

“Minha proposição é que olhamos para frente, pois temos pautas para tocar”, afirmou o assessor jurídico da entidade, Cezar Ramos, que também destacou a ação imediata do Sindiserf/RS de afastar o diretor conforme prevê o estatuto do Sindicato. Para o advogado, essa medida é a “forma mais sensata e menos dolorosa para cada um de nós.”

 

 

A empregada do HU-Furg, Tatiane Amaral que representou os trabalhadores na plenária nacional da Ebserh, realizada no começo de dezembro, relatou como foi a atividade e reforçou a necessidade da união da categoria para fortalecer a luta pelo ACT. “Por isso é imprescindível a participação de todos nas assembleias que o Sindicato convoca, pois é aonde são decididas as demandas”, explicou ela.

Outro assunto tratado com os trabalhadores é a eleição do representante sindical, que deve ocorrer em fevereiro.

Durante o dia, os dirigentes também se reuniram com representantes da administração do Hospital, onde trataram de assuntos institucionais.

 

 

Fonte: Sindiserf/RS

Fotos: Renata Machado (Sindiserf/RS)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 3 =